Ei, desenvolvedor, o que você sabe sobre a diferença entre IaaS e PaaS? E como tirar vantagem do SaaS?

Ei, desenvolvedor, o que você sabe sobre a diferença entre IaaS e PaaS? E como tirar vantagem do SaaS?

por Jaqueline Tiburcio*

Vou explicar essas diferenças e você também entenderá por que o SaaS está ganhando o mercado e por que você já deveria estar oferecendo aos clientes.

Vamos lá?

IaaS – É infraestrutura como serviço. Você cria novos recursos ou migra seus servidores para ela.

Em uma pirâmide, o IaaS é a base: servidores virtuais, storage, redes virtuais, balanceadores etc.

Nesse modelo, você aluga a infraestrutura para hospedar suas aplicações, paga somente pelo que usar e é responsável pelo gerenciamento do ambiente interno e servidores.

Dentre várias opções de IaaS, as mais conhecidas são a Amazon Web Services (AWS), a Azure da Microsoft e a Google Cloud Plataform (GCP).

Benefícios do IaaS para você, desenvolvedor:

  • Estrutura completa
  • Agilidade
  • Flexibilidade
  • Opções para alta disponibilidade
  • Gestão de custos

Imaginemos o cenário: você precisa hospedar suas aplicações, mas sabe que montar e manter um datacenter pode ser inviável. Além do alto valor de investimento, há também a questão de altos custos de manutenções e possíveis imprevistos, além da defasagem constante de todo o hardware.

Como desenvolvedor, provavelmente sua demanda é variável. Então o modelo IaaS consegue suportar essas variações, diferentemente de um datacenter interno.

E aí, como proceder e atender as variações se o datacenter for interno? Isso é facilmente resolvido no modelo IaaS, pois você provisiona ou exclui servidores e recursos conforme a necessidade.

PaaS – Plataforma gerenciada pelo provedor para você desenvolver e hospedar suas aplicações.

No modelo PaaS os provedores oferecem ambientes operacionais para que você desenvolva, gerencie, personalize e entregue aplicações para seus clientes. O PaaS já conta com infraestrutura (IaaS) inclusa, mas vai além disso: oferece também serviços como web, banco de dados, ambiente de programação etc.

No modelo PaaS, além da infraestrutura, os provedores oferecem o ambiente pronto e seu gerenciamento, dessa forma, você fica livre dessas questões e pode se dedicar às aplicações.

Benefícios do PaaS para você, desenvolvedor:

  • Facilidade para começar projetos
  • Redução de custos da operação
  • Foco no negócio
  • Facilidade para os testes
  • Agilidade
  • Produtividade

Os principais benefícios do PaaS para quem desenvolve são a facilidade e agilidade. Você não precisa se preocupar em configurar e gerenciar os recursos de infraestrutura e do ambiente.

E sem precisar se preocupar em criar ambientes e gerenciar recursos, é possível ter maior foco no seu negócio. Você e sua equipe se dedicam ao desenvolvimento das melhores soluções para seus clientes.

Existem várias opções de PaaS disponíveis. Alguns exemplos:

  • O CloudFlex VMware Gerenciado fornece ambiente gerenciado e permite que você desenvolva suas aplicações, com liberdade para criar novos servidores e expansão de recursos.
  • A Azure oferece uma excelente opção de PaaS para que você crie, implante e dimensione aplicativos, com plataforma totalmente gerenciada.
  • O AWS Elastic Beanstalk da AWS também oferece uma excelente opção de PaaS. É um serviço que permite provisionamento e balanceamento de carga automáticos, e monitoramento do seu aplicativo.

Agora que já falamos sobre aluguel de infraestrutura (IaaS) e plataformas para desenvolver (PaaS), vamos falar sobre o que é e como isso pode te ajudar a oferecer SaaS aos seus clientes e avançar no mercado.

Mas antes de começar, convido você para uma breve reflexão:

  • Eu imagino que você saiba a importância do seu negócio inovar.
  • Tem tido tempo para pensar em novas possibilidades e novos segmentos para atuação?
  • Como você tem focado nas necessidades do seu cliente?

Ok, agora vamos lá!

SaaS – Software como serviço

Resumidamente, SaaS é software entregue como serviço, com acesso e utilização via web, com pagamento de acordo com o número de licenças ativas e com vários benefícios – para você e seu cliente – que veremos a seguir.

Ter a mente aberta sobre o SaaS pode acelerar o seu negócio

Se você desenvolve aplicações que rodam na rede interna, sua ou do seu cliente, sabe bem quais são as dificuldades em oferecer a solução: fazer a implantação, aplicar correções e atualizações etc.

Já aconteceu contigo de, ainda na apresentação de sua solução, descobrir que ela não teria a performance desejada no ambiente do futuro cliente?

Então, além de tentar convencê-lo que a solução ajudaria o negócio dele, você ainda precisou dar a notícia de que ele precisaria providenciar novos equipamentos?

Bem, quando isso acontece, provavelmente uma voz grita no ouvido do cliente: Nãããooo! Gasto! Custo! Não contrate!

Isso é péssimo para as vendas, não é?

E ainda há uma série de outros pontos que dificultam, ou até impossibilitam, as entregas. Então percebe que o modelo antigo pode estar atrasando seu negócio?

O mercado não dorme e constantemente tem novas exigências – e novas ofertas -, e é determinante para o sucesso de um negócio proporcionar e ter qualidade e agilidade.

Sabendo disso, muitos desenvolvedores estão facilitando e melhorando suas soluções, entregas e seu dia a dia: estão entregando suas soluções como SaaS.

Como você pode crescer oferecendo SaaS?

Esse modelo proporciona vários benefícios para você e seu cliente, dessa forma, é uma oferta que vai te ajudar a crescer. Entenda por que:

Sem necessidade de instalação

Você fornece login e senha para seu cliente para que ele utilize um produto completo, já hospedado, sem a necessidade de adquirir novos equipamentos e sem as demoradas instalações. É agilidade para começar a usar.

Custo por usuário

O modelo SaaS permite que seu cliente calcule o custo por usuário e tenha um melhor controle financeiro, pois é possível saber com antecedência a previsão dos gastos. Além disso, ele paga pela quantidade necessária de usuários. Sem licenças a mais.

Isso, sem dúvida, é ótimo para a oferta do seu produto e alguns passos à frente de seus concorrentes.

Acesso instantâneo às atualizações e agilidade para correções

Enquanto em um software tradicional para se ter acesso a uma versão mais nova seu cliente precisa comprar a nova versão e fazer a instalação – ou você precisa fazer isso para ele -, no SaaS as atualizações fazem parte do valor da mensalidade. Além disso, as atualizações são centralizadas e instantâneas.

Mobilidade de acesso

Seu cliente finalmente poderá ter mobilidade e acessar sua aplicação de onde estiver. Poderá trabalhar remotamente com segurança e agilidade.

Variedade de funcionalidades

Oferecendo SaaS, você deixa de se preocupar com muitas questões e pode se dedicar a criar e disponibilizar diferentes funcionalidades aos clientes, que na entrega tradicional seria muito mais trabalhoso e caro.

E agora?

Se o seu cliente ainda não tem acesso a esses benefícios, está na hora de repensar o que você está oferecendo a ele. Não deixe de lembrar que outras empresas já inovaram, estão oferecendo soluções muito boas e ganhando o mercado.

Se tiver dúvidas ou precisar de ajuda com essas questões, pode entrar em contato com a gente! Teremos prazer em ajudar! 🙂

*Jaqueline Tiburcio é Analista de Comunicação na CentralServer.

Gostou desse conteúdo?

Fique atualizado recebendo gratuitamente nossos artigos diretamente no seu email

(Visualizado 107 vezes, 1 vezes visualizado hoje)