Cloud Computing: por que é mais seguro para minha empresa?

Cloud Computing: por que é mais seguro para minha empresa?

Dotar a empresa das melhores tecnologias e da infraestrutura adequada para garantir o seu bom funcionamento, a produtividade das equipes, a ampliação de resultados globais e a segurança de todos é uma tarefa que faz parte do dia a dia dos gestores de negócios.

Todo profissional responsável pelas decisões de uma determinada área – ou de toda a empresa – e que busca seu crescimento sabe que precisa ter visão integrada das melhores soluções e das ferramentas que podem otimizá-la para alcançar máximo retorno de seus investimentos.

Nesse ponto, a entrada de inovações como a computação na nuvem — cloud computing — no ambiente das empresas pode representar maior proteção, economia e um marco para a gestão estratégica — ainda que possa, de início, suscitar muitas dúvidas.

A fim de esclarecê-las, elaboramos este post. Ele irá ajuda a entender, de uma vez por todas, por que apostar em um data center na nuvem é algo capaz de trazer muito mais segurança para a sua empresa! Curioso para compreender todos os fatores que tornam esse tipo de infraestrutura tão confiável em relação a um data center local? Vamos lá!

Infraestrutura equilibrada

Os benefícios de apostar em cloud computing em sua empresa começam pela característica escalável das soluções, que podem ser contratadas sob demanda (hospedagem de servidores ou data centers na nuvem).

Com esse modelo de infraestrutura, o risco de se enfrentar gargalos de desempenho  devido ao aumento de volume de dados e de tráfego em sua rede é muito menor. Afinal, a escalabilidade permite aumentar ou diminuir a capacidade do data center de acordo com sua real e atual necessidade.

Somadas a mecanismos de replicação (sincronização de dados para manter a consistência) e balanceamento de carga entre servidores, soluções baseadas em cloud computing oferecem segurança, estabilidade e facilidade para a atualização do sistema.

Portanto, a vantagem está no fato da nuvem acompanhar o crescimento da empresa e de suas demandas, fornecendo suporte para que ela dê conta de tudo o que precisa em todas as fases do negócio.

Amplo acompanhamento

Ao contratar uma Infraestrutura como Serviço (IaaS), a empresa conta com um apoio técnico e um know-how que auxilia no monitoramento constante e especializado do sistema.

Assim, a empresa otimizará vários de seus processos e estará apta a responder a qualquer situação de alerta. Ter uma infraestrutura local e uma equipe interna para tratar de todas as demandas inerentes a esses processos pode gerar custos muito maiores do que os idealizados em orçamento — sem contar as dores de cabeça!

Ou seja, com o cloud computing a companhia deixa de se preocupar com espaço, com preparo de times de monitoramento ou com maiores gastos e consegue concentrar esforços no que é mais essencial a seu desenvolvimento, sem grandes pressões no backoffice.

Atingir o equilíbrio — tanto financeiro como operacional — logo se mostra muito mais fácil para as empresas com o auxílio da nuvem

Dados protegidos

Pensar que os dados ficam mais vulneráveis na nuvem simplesmente porque não estão guardados em um local físico dentro da empresa é um equívoco. Afinal, em termos de proteção, acontece justamente o contrário.

Os padrões de segurança a que obedecem os data centers na nuvem são de extrema confiabilidade. Um bom exemplo de como isso já é reconhecido pode ser visto na utilização de sistemas de cloud até mesmo por instituições financeiras.

Tanto para otimizar processos quanto para ampliar o atendimento a seus clientes, usar novos canais digitais e mesmo pagamentos móveis, as organizações têm investido nas facilidades da nuvem.

Maior governança

Com sistemas na nuvem, a incidência de falhas diminui e o controle é implementado de forma muito mais ajustável, o que permite administrar melhor toda a estrutura. A gestão ganha uma ferramenta estratégica e a TI, como agente de contribuição para resultados em todo o espectro organizacional, adquire maior autonomia.

Para isso, entretanto, faz-se necessário mencionar um contraponto que deve ser sempre lembrado: a sinergia entre o provedor de nuvem e a empresa contratante é extremamente importante para a extração total dos benefícios dessa estrutura e para a blindagem máxima de seus dados nesse ambiente.

A implementação de cloud computing pode ajudar sua empresa a elevar o patamar da governança corporativa. 

Para isso, é indispensável o compromisso com boas práticas e normas de segurança para garantir que a proteção seja completa. Afinal, de nada adianta ter um portão “intransponível” e altamente seguro se você se esquecer de fechá-lo.

O controle de senhas, permissões de acesso e protocolos de segurança deve ser rigoroso e a contribuição das equipes que operam os sistemas de dados e tecnologia da empresa é fator mais do que determinante para o sucesso da medida.

Ao adotar a infraestrutura no cloud computing, tenha em mente que sua organização terá uma excelente ferramenta em mãos, desde que a use com responsabilidade.

Vantagem competitiva com cloud computing

Por fim, todos os benefícios da nuvem podem ser resumidos em uma expressão muito significativa para a gestão: vantagem competitiva. Por um lado, existe a economia e a tranquilidade de trabalhar com um sistema altamente gerenciável, que contribui para  otimização de custos, atividades e até administração de crises.

Estrategicamente, isso é uma vantagem por permitir focar a atenção nos pontos específicos para fazer a organização crescer.

Além disso, trata-se de um modelo que vem sendo adotado até mesmo por grandes corporações que trabalham com dados financeiros, o que mostra por si só a credibilidade e o potencial de agregar competitividade às empresas.

Companhias em geral trabalham com dados de clientes e essas informações precisam estar, ao mesmo tempo, seguras e ao alcance de alguns cliques.

“Manipular” esses dados com segurança e demonstrar que a sua empresa atua com uma infraestrutura confiável também dá a você vantagem na corrida de mercado e na conquista da confiança de seus clientes e parceiros.

E então, este conteúdo o ajudou a entender melhor o conceito de cloud computing? Quer receber mais dicas úteis como essas? Assine nossa newsletter na lateral da página e receba tudo em primeira mão!

Também pode lhe interessar